A idéia deste blog é ganhar rapidez na divulgação de notícias que apuro para o jornal que dirigo, o JORNAL NOSSA TERRA. Espero sempre ter tempo de atualizá-lo e contar com a sua visita. Boa leitura!

quarta-feira, 6 de fevereiro de 2019

Ex-alunos de Curso Técnico em Agronegócio destacam importância da formação

Sindicato Rural de Barra Mansa é único polo da região e segue com inscrições abertas para preenchimento de 40 vagas gratuitas

O momento atual da economia tem exigido dos brasileiros cada vez mais qualificação. No agronegócio, o setor que mais cresce no país, não é diferente. A profissionalização do meio rural é uma realidade e quem deseja construir uma carreira no ramo precisa estar à frente. Para contribuir com formação de mão de obra para o campo, o Sindicato Rural de Barra Mansa, em parceria com o Senar, oferece vagas gratuitas para curso técnico em Agronegócio desde 2015. Neste período, a unidade recebeu alunos de diversas cidades: alguns já atuantes no meio rural, e outros interessados em encontrar nele uma nova vocação.

O fuzileiro naval Paulo Henrique Mendonça do Carmo, por exemplo, estava em busca de uma atividade que lhe garantisse satisfação pessoal, além da profissional, quando decidiu participar do processo seletivo para o Curso Técnico em Agronegócio no polo de Barra Mansa. “Meu objetivo era investir em uma área em que eu quisesse continuar a trabalhar mesmo após a aposentadoria. Já que eu tinha interesse pelo setor rural, decidi fazer o curso e minhas expectativas se confirmaram no decorrer das aulas”, contou Paulo, que mora no Rio de Janeiro.

Ele se formou no final de 2017 após receber qualificação não apenas em técnicas agrícolas, mas também em gestão de pessoas, empreendedorismo, gestão financeira, entre outras disciplinas. “Depois do curso, com um olhar mais crítico e amplo do setor, eu pude perceber o que era, de fato, as oportunidades do campo. Foi assim que eu encontrei a minha vocação na produção de moringas. Comecei pequeno e hoje já tenho dois sócios que estão comigo nesta jornada de produzir e vender moringas e também outros produtos”, comemorou.

Para Paulo Henrique, o curso técnico em Agronegócio oferecido pelo Senar representou um divisor de águas em sua carreira. “Eu tenho apenas coisas boas a dizer sobre a formação que eu recebi. Começando pelo conteúdo programático, as aulas práticas, passando pela qualidade dos profissionais de ensino até toda a equipe de apoio, sou apenas elogios. Recomendo este curso para todos que tenham vontade de construir uma carreira no setor rural. Ainda não encontrei uma formação que prepare melhor do que lá”, declarou o empresário.

Outra história de sucesso, entre tantas, é a do advogado Raphael Cajazeira. Ao se matricular no curso, Raphael já era proprietário rural e tinha como objetivo aprender a manejar melhor sua fazenda que, até o momento, atuava no ramo de pecuária leiteira.

“O curso técnico em Agronegócio me muniu com ferramentas que ajudaram a reconhecer que a produção leiteira, para a minha propriedade, não era viável. Por meio dos conhecimentos adquiridos nas aulas, eu pude encontrar uma nova vocação na pecuária de corte e continuo usando tudo o que aprendi para manter o negócio rural prosperando”, revelou o advogado. A Fazenda Vargem Grande, propriedade de Raphael, localizada no município de Bananal (SP), é considerada referência na pecuária de corte da região, fornecendo carne para inúmeras cidades.

As inscrições para o curso técnico em Agronegócio estão abertas e podem ser feitas pela internet ou na sede do Sindicato Rural de Barra Mansa até o dia 14 de fevereiro. São disponibilizadas 40 vagas gratuitas, oferecidas primeiramente para produtores rurais, seus funcionários e familiares e, o restante para o público em geral.

O curso é semipresencial e tem duração de dois anos. Os encontros são semanais, aos sábados, na sede da entidade, no bairro Ano Bom, em Barra Mansa. O polo do município é o único no Sul Fluminense a oferecer a formação, que é totalmente gratuita, incluindo o material didático e as visitas técnicas.

“É importante ressaltar que todos os documentos exigidos devem ser inseridos no momento da inscrição no site. Infelizmente, não é possível a correção de dados no sistema posteriormente. Por isso, é importante ler o edital com atenção, providenciar os documentos e daí acessar o site para se inscrever”, finaliza Juliana Oliveira, coordenador do Sindicato Rural de Barra Mansa. Em caso de dúvidas, entrar em contato com o Sindicato presencialmente ou pelo telefone (24) 3323-1139.


Um comentário:

Helloiza Alonso disse...


lindo projeto, vou aplicar, com certeza no colegio zona norte sp, adorei, recomendo